Estas são as regras oficiais para todas as modalidades da Liga dos Surdos na Temporada 2020. São aplicadas a todas equipes que venham a participar da Liga dos Surdos em 2020, bem como seus jogadores, técnicos, gestores e funcionários.

Para garantir a integridade e idoneidade da Liga dos Surdos e estabelecer um sistema para disputas profissionais e semiprofissionais em todos os jogos/modalidades e beneficiar as equipes envolvidas com a Liga.

Todos os eventos, splits e modalidades da Liga dos Surdos no ano de 2020 serão regidos por estas regras.

1 – JOGADORES

Os jogadores para serem autorizados à participar da Liga dos Surdos em 2020 devem atender e aceitar às seguintes condições:

1.1 – Tipos de jogadores

Somente jogadores que atenderem estas condições poderão participar das modalidades/eventos da Liga dos Surdos.

1.1.1 – Jogador com perda auditiva

Considerar-se-á jogador surdo e aquele que portar perda auditiva moderada (perda a partir de 40dB) bilateral (nos dois ouvidos).
Comprovar ser surdo através de laudo médico atestando o nível de surdez e exame audiométrico, carimbado e assinado pelo profissional autorizado pelos órgãos de saúde.

1.1.2 – Jogador ouvinte com fluência em LIBRAS
Alguns jogadores ouvintes podem ser autorizados a participar, isso depende das regras específicas de cada modalidade, porém fica como regra estabelecida para esta participação que jogadores ouvintes devem ter fluência em LIBRAS e a fluência comprovada através de processo de entrevistas em LIBRAS.

1.2 – Idade do jogador

O jogador deve ter no mínimo 16 anos completos até 01 de janeiro de 2020 para participar de qualquer etapa.
Em casos de jogadores com menos de 18 anos completos até a data da inscrição das etapas, o mesmo deverá anexar na inscrição documento assinado e autenticado pelos pais e/ou responsáveis autorizando participação na Liga dos Surdos.

1.3 – Documentação

Para participar os jogadores deverão apresentar os seguintes documentos:

1.3.1 – Cadastro no perfil de jogadores

Este cadastro será feito para coletar os dados dos jogadores que irão participar da Liga dos Surdo bem como suas etapas e modalidades.

1.3.2 – Troca do nome de jogador

Fica expressamente proibida a troca do nome de jogador nos perfis dos jogos/modalidades depois do período de inscrição, caso a troca seja necessária ela deverá ser informada com antecedência de até 48h antes do inicio de qualquer partida e a organização da Liga dos Surdos poderá autorizar ou não a troca do nome de jogador.

1.3.3 – Documentação atualizada

Os documentos pessoais de identificação devem ser atualizados.
Para jogadores brasileiros os documentos serão Carteira de Identidade (RG) e Cadastro de Pessoa Física (CPF)
Jogadores estrangeiros possuir Cédula de Identidade de Estrangeiro (CIE) e/ou Registro Nacional de Estrangeiro (RNE), e/ou Cadastro de Pessoa Física (CPF) e/ou visto válido para até 31 de Julho de 2020 para etapas do primeiro split e 31 de Dezembro de 2020 para etapas do segundo split dos campeonatos da Liga dos Surdos.

1.4 – Vínculo de jogador

Somente jogadores que foram devidamente inscritos e vinculados por equipes poderão participar, sendo proibida a participação de qualquer jogador não inscrito e vinculado às equipes.

As modalidades permitirão estipularão quantos jogadores reservas serão permitidos, sendo assim as equipes poderão utilizar este recurso desde que atendam às especificações em cada campeonato/modalidade e que os jogadores estejam relacionados à sua equipe no momento da inscrição da mesma.

É expressamente proibida a substituição sem autorização por jogadores não relacionados e inscritos ao time.

Os jogadores poderão integrar apenas uma equipe e ficam vinculados a está até o final do split, não sendo permitida a troca ou empréstimos de jogadores até o final do split.

1.5 – Diretos de imagem dos jogadores

Ao se inscrever o jogador concorda em ceder seus direitos de imagem à Liga dos Surdos, bem como fornecer fotos de boa resolução nos critérios estabelecidos para a Liga dos Surdos, para fins e utilização de divulgação, marketing e transmissão dos campeonatos e splits em 2020.

1.6 – Recusa de inscrição do jogador

Todos os documentos citados acima deverão ser apresentados no momento da inscrição e em qualquer momento que a organização requisitar.

Fica vetada a participação em nossos eventos/modalidades jogadores não registrados e/ou inscritos com os documentos comprobatórios solicitados.

Também e vetada a participação de jogadores com antecedentes de exclusões, e/ou desligamentos e banimentos em campeonatos da Liga dos Surdos em toda e quaisquer modalidades.

Os jogadores e equipes ficam cientes que no momento da inscrição preencher dados falsos acarretarão punições para ele e sua equipe e desclassificação.

2 – DINÂMICA DOS EVENTOS/MODALIDADES

2.1 – Splits
Todas as modalidades da Liga dos Surdos terão seu formato divulgados nas regras específicas para cada modalidade.

As modalidades acontecerão 1 vez a cada semestre, sendo chamados de 1º Split os eventos para o 1º semestre de 2020 e 2º split os eventos para o 2º semestre de 2020

2.2 – Fuso Horário
A equipe da Liga dos Surdos irá exibir em seu site, e/ou redes sociais os horários das partidas de acordo com o horário de Brasília. (GMT-3).

2.3 – Formatos
A Liga dos Surdos se reserva ao direito de definir o formato dos torneios até o inicio dos mesmos, bem como adaptar/ajustar datas e confrontos quando necessário mesmo com o andamento dos splits iniciado.

Os formatos para cada split e modalidades serão divulgados nas regras específicas à cada um e quaisquer alterações serão amplamente divulgadas nas redes sociais e meios de comunicação oficiais da Liga dos Surdos

2.4 – Premiação
As premiações serão relatadas e divulgadas nas redes da Liga dos Surdos e regras específicas à cada evento.

A Liga dos Surdos se reserva à não obrigação de bonificar seus participantes, sendo assim as modalidades podem não ter premiações para acontecer, porém conforme evolução do campeonato, prêmios podem ser adicionados e/ou alterados às competições, conforme estipulado pela Liga dos Surdos.

2.5 – Demos e replays

A da Liga dos Surdos se reserva ao direito de gravar, reproduzir ou efetuar o upload de toda e qualquer partida realizada no evento ou não.

A participação nos eventos implica aceitação do uso de imagem para divulgação e noticiário sobre a Liga dos Surdos em nossas redes sociais e de comunicação e em outras redes quando autorizadas pela Liga dos Surdos, com intuito de divulgação da mesma.

2.6 – Presença de pessoas não autorizadas nas partidas e servidores

Não é permitida a presença de técnicos, treinadores ou narradores e outros espectadores não autorizados, a transmissão e visualização das partidas é de exclusividade da Liga dos Surdos e seus parceiros, a Liga dos Surdos se reserva o direito desclassificar equipes que não cumprirem esta regra.

Serão permitidos apenas pessoas autorizadas pela organização da Liga dos Surdos

2.7 – Critérios de desempates

Ficarão estabelecidos nas regras específicas os critérios de desempate em cada modalidade, sendo assim os participantes aceitam estas regras específicas e critérios por ela propostos.

2.8 – Uso de pausa/pause
Quando o jogo/plataforma permitir, as regras específicas dos jogos e modalidades na Liga dos Surdos, estabelecerão os critérios para utilização do recurso, sendo os jogadores e equipes obrigadas a zelar pela utilização correta. A não utilização poderá acarretar em punições e até a desclassificação da equipe.

3 – EQUIPES

3.1 – Inscrição das equipes

As equipes participantes deverão a cada split renovar sua inscrição, bem como os dados dos jogadores que participação. Sendo necessário atender todos os critérios solicitados às equipes e aos jogadores que nela participarão.

3.2 – Restrição de jogadores

A Liga dos Surdos visa inclusão dos jogadores, não havendo restrições quanto à nacionalidade, orientação sexual, religião ou racial dos participantes.

Não é permitida a escalação de jogadores que não atendam os critérios estabelecidos nas regras para jogadores.

3.3 – Formação

Para a Liga dos Surdos em 2020 fica estabelecido que as modalidades que exijam 5 jogadores por partida deverão inscrever 5 jogadores para formação principal (“equipe titular”) e 2 jogadores substitutos (“reservas”). Para modalidades que exijam 4 jogadores ou menos por partida, deverão inscrever a formação principal e 1 jogador substituto (“reserva”).

Para a inscrição da equipe ao menos a equipe titular deve estar completa, sendo opcional às equipes a inscrição de jogadores reservas.

Para equipes que não inscrever jogadores reservas, não será permitida a troca ou substituição dos jogadores durante o campeonato, sendo que a ausência de jogadores na equipe poderá ser punida com a desclassificação da equipe no campeonato. Com isso, fica fortemente recomendado que as equipes também inscrevam jogadores substitutos.

A Liga dos Surdos não fornecerá jogadores reservas aos times, apenas em casos extremos e específicos nas equipes e com autorização da organização da Liga dos Surdos e responsáveis de suas modalidades.

Jogadores reservas podem participar livremente das partidas conforme necessidade da equipe para a escalação, porém alguns critérios deverão ser atendidos:

3.3.1 – Ouvinte fluente em LIBRAS:
A escalação desse jogador será autorizada à times com formação de 5 jogadores e se a equipe possuir outros 5 jogadores comprovadamente surdos e devidamente inscritos ao time.

Jogadores ouvintes podem ser inscritos com limite de 1 por equipe, não sendo obrigatório aos times ter jogadores ouvintes inscritos. Os times podem optar por ter ou não estes jogadores à sua lineup.

3.3.2 – Jogadores com baixa qualificação em ranqueamentos

Como critério de incentivo e treino a jogadores novatos, as equipes que optarem por jogadores substitutos devem inscrever ao menos 1 jogador com baixo ranqueamento conforme os critérios definidos nas regras específicas de cada modalidade.

Apesar desta regras, a formação e escalação da equipe titular é livre e de escolha aos times dentro de seu plantel inscrito e os times deverão se apresentar para as partidas com número de jogadores para a formação completa das partidas.

3.4 – Gestão das equipes
No momento da inscrição designarão os responsáveis pela equipe e o número de telefone e email para contato.

O gestor também poderá ser técnico e/ou jogador, porém, apenas sendo estes surdos poderão fazer parte como jogadores e participar das partidas.

Técnicos e gestores podem ser ouvintes, porém não poderão participar das partidas, apenas farão a orientação dos times fora delas e em caso de partidas presenciais no lobby e picks e bans.

Em caso de técnicos e gestores surdos que também serão jogadores, as mesmas regras e requisitos de jogadores serão aplicadas.

A troca de gestores e técnicos somente poderá ser feita após o término do split, sendo este responsável por sua equipe até o fim do campeonato que participa e só poderá se vincular a outra equipe após este período.

Cada técnico/gestor pode representar apenas uma equipe por split e modalidade.

3.4 – Ausência de jogadores

Se a equipe não apresentar a formação mínima exigida para a inscrição e/ou para as partidas, a equipe será desclassificada da competição.

3.5 – Quantidade de equipes por organização

Cada organização, gestores, técnicos e jogadores deverão participar única e exclusivamente de uma equipe por split/modalidade, as equipes poderão participar com apenas 1 formação por campeonato/modalidade, sendo recusada a inscrição de uma segunda equipe cadastrada pela mesma organização / gestores.
Caso equipes sejam inscritas de forma irregular e em quantidade maior que um no mesmo campeonato, todas as equipes relacionadas serão desclassificadas.

3.6- Relação entre as equipes

Nenhum dono de time, gestor ou organização poderá controlar direta ou indiretamente mais de uma organização participantes sob a pena de desclassificação caso isso ocorra.

3.7 – Diretos de imagem das equipes

Ao se inscrever a equipe concorda em ceder seus direitos de imagem à Liga dos Surdos, bem como fornecer fotos dos seus jogadores, logomarcas e vídeos de inscrição de boa resolução nos critérios estabelecidos para a Liga dos Surdos, para fins e utilização de divulgação, marketing e transmissão dos campeonatos e splits em 2020.

3.8 – Mudanças societárias
mudanças no quadro de gestão, posse e aquisição das equipes só poderão ser feitas no período após os splits, nunca durante as etapas e campeonatos. Somente após a finalização de um split que as trocam poderão ser realizadas.

3.9 – Naming Rights e Patrocínio de Equipes

Os patrocínios e parcerias poderão ocorrer livremente nas equipes, porém a alteração do nome das equipes somente poderá ocorrer após o encerramentos dos splits.
Caso a parceria ou patrocínio se encerre antes do final do split, as equipes deverão comunicar a organização da Liga dos Surdos e utilizar seu nome, marcas e logotipo originais até o final da temporada, sem a possibilidade de inclusão de novos nomes, marcas ou logotipos até o fim do split.

3.10 – Comparecimento da equipe nos eventos

A equipe deverá comparecer ao evento no qual ela se inscreveu no prazo máximo de até 15 minutos de antecedência ao horário estipulado, adiável para até 10 minutos de antecedência do inicio das partidas.

3.8 – Recusa da inscrição e participação de equipes

À Liga dos Surdos e seus organizadores é reservado o direito de recusar a participação de qualquer equipe que não cumpra os critérios estabelecidos para a inscrição e conduta durante a realização dos campeonatos.

4 – SUBSTITUIÇÃO DE JOGADORES

4.1 – Inscrição ou substituição de jogadores fora do período

A substituição, adição de jogadores fora do período de inscrição apenas deverá ocorrer nos casos específicos abaixo:

– O jogador não ter vínculo com nenhuma outra equipe já inscrita para a Liga dos Surdos;

– O jogador não ter atuado em partidas por outras equipe no mesmo campeonato;

– Se a equipe não possuir o limite de jogadores permitidos por inscrição;

– Pedidos feitos até 24 horas após a terceira rodada para campeonatos longos, após este prazo, não será permitida a troca e/ou inscrição de nenhum jogador em hipótese alguma.

– Pedidos são proibidos de serem feitos no dia em que ocorrem campeonatos e rodadas da Liga dos Surdos

Os jogadores que forem inscritos após o período de inscrições, só deverão jogar partidas após 3 rodadas a partir da data da aprovação da inscrição e deverão também atender à todos os critérios estabelecidos para os jogadores na Liga dos Surdos

4.2 – Substituições e inscrições extraordinárias

Em casos extraordinários e especiais podem ser autorizadas as substituições ou inscrições de jogadores, tais casos podem se caracterizar por óbito, emergência médica, incapacidade de jogar, suspensão e banimento em resultado de violação de regras. O julgamento dessas substituições bem como o prazo de espera ficarão à critério da organização da Liga dos Surdos.

4.3 – Escalação de jogadores substitutos

Fica reservado às equipes o direito de substituir seus jogadores no período anterior a partida até 15 minutos antes de começar a mesma e seguindo os critérios de formação das partidas.
Não será permitida a troca de jogadores com a partida em andamento, prazo de criação da partida e /ou formação da partida executada.

4.4 – Substituições emergenciais

Substituições em casos especiais pode ser autorizadas pela organização da Liga dos Surdos após o início da formação das equipes em casos semelhantes aos dispostos no parágrafo 4.2 destas regras.

4.5 – Empréstimos de jogadores

Sob nenhuma hipótese será permitido o empréstimo de jogadores e técnicos. Jogadores e técnicos devem atuar somente na equipe em que foram inscritos.

5 – EQUIPAMENTO DOS JOGADORES

Para as partidas dos campeonatos/modalidades em 2020 as equipes e jogadores necessitam seguir os seguintes critérios:

5.1 – Para etapas online

Cada jogador e equipe fica responsável por seus equipamentos, bem como conexão com a internet, instalação de client do jogo/modalidade e sistema anti-trapaças solicitado nas regras específicas da modalidade.

A organização da Liga dos Surdos fica isenta de qualquer responsabilidade sobre o equipamento utilizado pelos jogadores e equipes. Todo e qualquer equipamento nas etapas online são de total responsabilidade dos jogadores e equipes participantes.

5.2 – Para etapas presenciais

Durante as fases presenciais a organização da Liga dos surdos fornecerá: PC, monitor, headsets, e/ou fones de ouvido, e/ou microfones, e/ou abafadores acústicos, mesa e cadeira.

Quando solicitado com antecedência nas etapas presenciais, a organização da Liga dos Surdos fornecerá aos jogadores: teclado para PC, mouse para PC e mousepads.

A escolha dos equipamentos fornecidos ficam à critérios exclusivo da organização da Liga dos Surdos.

Na área das partidas, os jogadores não podem usar nenhum headset, fone de ouvido diferentes dos fornecidos pela organização.

Todos os equipamentos próprios do jogador em fases presenciais, bem como uso de aparelhos auditivos e outros gadgets devem ser apresentados à organização bem como funcionamento e condições de uso e submetido à aprovação do uso na área onde acontecem as partidas.

Nenhum hardware, gadget, equipamento dos jogadores ou equipamento auditivo devem ser levados à área das partidas se conter nome de marcas ou empresas não aprovados.

Se houver necessidade de troca de equipamento, o jogador ou a organização poderá fazer uma revisão técnica a qualquer momento para que seja diagnosticado e solucionado o problema se necessário.

A troca de equipamento pode ser solicitada a qualquer momento à critério da organização da Liga dos Surdos.

5.3 – Uso de programas de computador nas partidas

Jogadores estão proibidos o uso de qualquer programa de computador e/ou scripts e gatilhos que possam realizar qualquer tipo de assistência durante uma partida. A identificação desses recursos pode resultar na desclassificação da equipe na Liga dos Surdos em 2020 e o banimento da participação do jogador que fez o uso indevido.

Caso seja necessário algum programa específico, o mesmo deverá ser solicitado até 48h antes do início da competição. Apenas programas para necessidades específicas serão permitidos. Programas como auxiliadores de builds, miras, interface, guias e etc não serão permitidos em hipótese alguma na realização dos eventos da Liga dos Surdos.

5.4 – Conta de jogo e softwares autorizados

5.4.1 – Conta do jogo

Todos os participantes dos campeonatos/modalidades devem possuir uma conta do jogo que irá participar, sendo esta sua e exclusivamente sua, não sendo permitido que terceiros acessem ou efetuem qualquer interação na conta.

5.4.2 – Investigação de conta de jogo

A organização da Liga dos Surdos se reserva ao direito de exigir que o jogador participante forneça a sua id, adicione um representante da administração e/ou remova toda e qualquer privação do Perfil do participante, visando facilitar, caso necessário, uma investigação na conta.

5.4.3 – Restrição de informações

Jogadores que restringirem informações sofrerão punições.

5.4.4 – Troca de nomes e/ou IDs

Fica expressamente proibida a troca de nomes nas contas após as inscrições. O jogador que desejá-lo fazer, deverá comunicar os administradores da Liga dos Surdos para solicitar autorização da troca.

6 – CÓDIGO DE CONDUTA DOS JOGADORES E EQUIPES

Entende-se por desrespeito e mal comportamento, toda e qualquer conduta que afete o andamento do campeonato e o bom convívio entre os participantes.

Todos os participantes dos eventos/modalidades tem por obrigação manter o respeito e o comportamento adequado em relação a outros participantes e a organização da Liga dos Surdos. Ofensas a qualquer participante ou a organização (Liga dos Surdos) acarretará em advertência ou punição para o participante infrator.

6.1 – Atitudes desonestas

Ações e atitudes consideradas desonestas poderão sofrer penalidades à critério da organização da Liga dos Surdos.

6.1.1 – Conspiração

Fica proibido qualquer acordo entre dois(2) ou mais jogadores e/ou equipes com finalidade em prejudicar outra equipe, jogador e/ou andamentos do campeonato. Alguns tipos de conspiração incluem mas não se limitam à:

– Não atacar, impedir ou jogar de uma maneira diferente de um modo competitivo;

– Acordo para divisão de premiação ou qualquer outra forma de compensação;

– Enviar ou receber sinais eletrônicos de qualquer forma para aliados ou terceiros;

– Perder propositalmente um jogo por qualquer tipo compensação ou tentar induzir um jogador a fazer tal atitude.

6.1.2 – Falta de integridade competitiva

Proibido qualquer comportamento incompatível com os princípios do espírito esportivo e fair play.

6.1.3 – Uso de hack e programas não autorizados

Proibido qualquer alteração ou modificação feita por jogador, time ou qualquer outra pessoa para beneficiar um time ou jogador durante a realização de um campeonato.

6.1.4 – Exploração de BUGS (Bug exploit)

Proibido usar bugs para buscar vantagens durante uma partida, bem como usar falhas para prejudicar adversários em casos que o jogo não funcione conforme o esperado.

6.1.5 – Trapaça

Proibida qualquer forma de realizar qualquer trapaça dentro de um jogo.

6.1.6 – Compartilhar conta

Proibido o uso da conta de outro jogador ou solicitar, induzir ou estimular alguém a jogar na conta de outro jogador.

6.1.7 – Desconexão intencional

Desconectar-se de um jogo antes da sua finalização, sem ter motivo, razão e justificativa plausível.

6.2 – Ofensas e discurso de ódio

Os jogadores de uma equipe não podem utilizar linguagem obscena, chula, vulgar, qualquer tipo de insulto, ameaças, abusos, calúnia, difamação ou qualquer maneira ofensiva e repreensível, nem promover ou incitar ódio ou conduta de discriminação ou preconceito.

Membros de equipes não podem utilizar, postar, transmitir, disponibilizar ou difundir qualquer comunicação proibida e nem utilizar a imagens e informações fornecidas da Liga dos Surdos para tais práticas.

6.3 – Insultos

Jogadores e equipes ficam proibidos de tomar qualquer ação ou gesto, ou incitar qualquer jogador ou equipe a fazer o mesmo, direcionando à um time adversário e de forma insultosa, zombeteira, perturbada, caluniosa e desrespeitosa.

6.4 – Uso das ferramentas de comunicação

Os jogadores e equipes deverão utilizar as ferramentas para comunicação da Liga dos Surdos e todos os seus utilizadores, de forma adequada e tratando todos com respeito.
Durante as partidas o uso destas ferramentas fica restrito apenas para comunicação de problemas ou emergências relacionados aos times e equipes durante a realização das partidas, sendo estas feitas de preferências pelos capitães, técnicos e gestores das equipes.

6.5 – Assédio

Qualquer tipo de assédio fica proibido, sendo estes sexuais ou não. Não há tolerância para qualquer tipo de atitude de assédio, sendo o jogador ou a equipe submetidos à desclassificação.

6.6 – Discriminação e difamação

Fica proibido qualquer tipo de ofensa à dignidade e integridade de qualquer pessoa, grupo, países ou organizações por meio de atos de desprezo.

A Liga dos Surdos repudia quaisquer tipo de ações preconceituosas e discriminatórias de raças, cor de pele, etnia, nações, origem social, gênero, língua, religião, status financeiro, idade, orientação sexual, opinião política ou qualquer outra ação que agrida a dignidade de outras pessoas.

6.7 – Atos que possam prejudicar a Liga dos Surdos

Proibido aos jogadores e equipes qualquer publicação, ato, ação ou declaração que possa ter efeito prejudicial à Liga dos Surdos, parceiros, patrocinadores e seus afiliados.

6.8 – Atos criminosos

Qualquer jogador ou equipe não pode fazer parte de nenhuma atividade proibida por lei e que possa conduzir a ser condenada em qualquer participação em qualquer jurisdição e jurisprudência competente.

6.9 – Comportamento ético

Proibido qualquer envolvimento em atividade considerada imoral, vergonhosa ou contrária ao comportamento ético adequado.

6.10 – Confidencialidade

Fica proibido aos jogadores postarem e compartilharem telas dos jogos e imagens das partidas durante a realização da mesma.

Também é proibida a divulgação e antecipação de resultados das partidas antes da confirmação da mesma durante a transmissão oficial da Liga dos Surdos. Os jogadores e equipes que o fizerem serão sujeitos a alertas e em caso de reincidência caberão punições aos que fizerem.

Em hipotese alguma qualquer informação confidencial fornecida pela Liga dos Surdos poderá ser divulgada por qualquer membro de equipe ou jogadores seja por meio de qualquer meio de comunicação, incluindo redes sociais.

6.11 – Suborno, aliciamento e/ou presentes

Proibido o suborno, aliciamento e ou aceitar presentes, recompensas ou compensação visando prejudicar outras equipes, jogadores e a Liga dos Surdos.

6.12 – Recusar instruções

Nenhum jogador ou equipe deverá cumprir as instruções e procedimentos oficiais da Liga dos Surdos.

6.13 – Utilização de Apostas

Nenhum jogador, equipe ou membro da organização da Liga dos Surdos está autorizado a participar tanto de forma direta ou indireta em apostas com os resultados de qualquer jogo/partida dos campeonatos/eventos da Liga dos Surdos.

6.14 – Desistência da equipe

A equipe que comunicar desistência do evento a receberá derrota por W.O., não sendo possível reverter esta decisão durante o campeonato.

Será considerada desistente a equipe que não comparecer a uma (1) partida e/ou tiver 2 punições com W.O.s aplicados a favor de oponentes em um mesmo evento.

Todas as partidas de equipes desistentes ou desclassificadas, sendo elas já executadas ou futuras serão alteradas para W.O.

Esta regra poderá ser aplicada a qualquer momento e em qualquer rodada do campeonato.

6.15 – Penalidades

Qualquer pessoa envolvida com a tentativa ou com a ação que constitua vantagem desigual ou má conduta, será sujeita a uma punição imposta devido a tais atos.

A violação de qualquer uma das regras listadas permitem as seguintes penalidades:

6.14.1 Advertência verbal e/ou escrita
6.14.2 Perda de jogos
6.14.3 Perda de premiação
6.14.4 Suspensões
6.14.5 Desclassificações
6.14.6 Banimento

Punições repetidas ou graves estão sujeitas a escalação de penalidades e a desclassificação e/ou banimentos da Liga dos Surdos e de eventos futuros à ela relacionados. As penalidades não tem obrigação de seguir a ordem da lista e elas são escolhidas à critério e exclusividade da direção da Liga dos Surdos e/ou comissão por ela designada.

7 – CONTATO COM A ORGANIZAÇÃO DA LIGA DOS SURDOS

As equipes, jogadores e outras pessoas que tenham a necessidade de qualquer dúvida ou report referente às regras, podem entrar em contato com a administração do evento (Liga dos Surdos) através do e-mail “ligasurdos@gmail.com” e/ou redes sociais.

Caso ocorra alguma falha na Plataforma, a equipe afetada deverá notificar a organização da Liga dos Surdos, então será avaliada a situação e comunicada a melhor forma de como proceder para a solução.

Caso alguma equipe encontre outra equipe infringindo regras, deverá notificar a organização da Liga dos Surdos o quanto antes através do email e redes sociais, fornecendo todos os detalhes e informações pertinentes.

8 – CUMPRIMENTOS DAS REGRAS

Todas as decisões sobre alterações das regras, interpretações e punições são de total decisão da diretoria da Liga dos Surdos e estas decisões são finais.

Ao se inscrever em qualquer evento/campeonato, os jogadores e as equipes concordam e aceitam que a direção da Liga dos Surdos e/ou comissão designada avaliarão as denúncias de forma totalmente competente e idônea para analisar jogadores no menor tempo possível para agilizar a solução e acata qualquer decisão da tomada pela mesma.

Todas as contas anteriores, atuais e futuras que pertencerem a um jogador declarado como banido, serão proibidas de participação da atual e de futuras participações em futuros eventos de forma permanente. Jogador também ficará banido dos eventos organizados pela Liga dos Surdos e seus parceiros.

A diretoria e organização da Liga dos Surdos podem agir com a autoridade necessária para preservar a integridade competitiva e assegurar partidas justas durante seus eventos/splits/campeonatos/modalidades e poderá usar qualquer forma punitiva disponível e listada nesta lista de regras à qualquer individuo que não tenha conduta condizente com as condutas acima citadas.

Para aplicar as regras, a Liga dos Surdos se reserva ao direito a corrigir e alterar resultados de partidas mesmo após elas já terem ocorrido, podendo também solicitar que a partida seja jogada novamente, sempre visando o melhor andamento do evento.

Todos os participantes concordam com os termos e regras relacionados na lista de regras gerais e na lista de regras específicas de cada modalidade e as punições que o não cumprimento delas podem ocasionar.